inovação sempre é RELATIVA

#inovação

Inovação sempre é relativa. Não se considera inovador: fazer mais do mesmo, elevando produtividade; modernizar; expandir mercados e canais de distribuição; enfrentar o prejuízo — esses objetivos só são considerados inovadores quando geram diferencial competitivo entre as organizações.

Toda inovação envolve novidade para aquela organização, portanto, determina alguma mudança.

Novidade e mudança são difíceis de lidar, nas organizações: o resultado é incerto, só se provam os benefícios depois de implantadas.

Para piorar, raramente há informação suficiente para uma decisão racional e objetiva, nem mesmo quando a organização copia algo que deu certo em outras organizações.

Sabbag, Paulo Yazigi (2019-05-21T22:58:59). Inovação, Estratégia, Empreendedorismo e Crise . Alta Books. Edição do Kindle.

Publicado por luizguilhermeguedes

| guedesonline.com | @guedesonline |

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: