Largou tudo e foi empreender

Por Luiz Guilherme Guedes – mentor de Inovação

“Largou tudo e foi empreender” – será que este é mesmo o único caminho, largar tudo?

O intraempreendedorismo ganhou força na última década e mostra que #empreender está muito mais ligado à atitude do que ao tipo de empresa onde este empreendedor atua.

Meredith Somers, em 2018, disse que “intraempreendedorismo é necessário para o futuro de uma corporação como nadar é para os tubarões – se não o fizer, morre”.

O intraempreendedor se tornou um dos mais importantes recursos nas empresas de alta competitividade. Natália Iazzetti, Gerente de Transformação Digital na Unilever, diz “Sempre fui curiosa, me perguntava como poderia inventar ou transformar algo.

E me encontrei no “intra”! Estrutura, mentoria e segurança financeira que gosto e, ao mesmo tempo, flexibilidade e possibilidade de criar”.

Quando corporações entendem o potencial da inteligência e dos talentos que têm dentro de casa, o “tubarão volta a nadar”.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: